Sem conto de fadas

Olá, meus amores! Tudo bem? Venho aqui deixar pra vocês mais uma das minhas indagações da vida noturna enquanto vejo TV. Eu tava assistindo no Canal Sony, o filme da Katty Perry, que é tipo um documentário de como começou a carreira dela e de tudo que ela passou até virar A KATTY PERRY.

Depois que ela estourou com a música "I Kissed A Girl", ela conheceu o Russell Brand, estavam super ultra mega hiper apaixonados e pensando em filhos, até que ela enfrentou uma baita depressão no meio de uma turnê que tava fazendo e só deixou assessores e pessoal que tava em turnê com ela ficar sabendo nos dois últimos shows. 

Sem conto de fadas. @pritrelles
Não foi a primeira vez que eu vi alguma celebridade ou cantora que eu gosto enfrentar e passar por isso. Vi um tempo atrás o DVD da Arena London O2 da Rihanna e o 777 Tour e ela passa pela mesma coisa. Não por causa de namorado ou afins, mas pela correria da vida. Por colocarem pressão em cima delas, por terem compromisso diário com milhões de pessoas, por não poderem respirar sem pensar no que as pessoas vão dizer ou se vão usar alguma coisa contra elas, ou qualquer outra experiência ruim. E isso simplesmente não é o tipo coisa que se planeja quando se pensa em ser atriz, cantor, apresentador ou uma pessoa pública qualquer. Ninguém planeja ter depressão. Assim como eu também não planejei. Sim, já faz um tempo que eu tive depressão e confesso que ainda tenho recaídas. É normal, porque, afinal de contas, a vida não é um lugar pleno e feliz o tempo todo. 

O mais engraçado é que ninguém percebe. Nem pais, nem amigos, nem possível namorado, ficante ou o que quer que seja. Acham que é drama e brigam contigo. Talvez precise ser um psicólogo ou algum tipo de terapeuta pra ter faro pra essas coisas. Mas onde eu quero chegar? Não sei. O que eu sei é que ninguém planeja as coisas ruins que acontecem na vida. A gente planeja ter sucesso no que escolhemos pra gente, mas esquecemos de pensar que as pessoas que nos cercam talvez não escolheram essa vida e que possa ser muita pressão pra elas, ter uma vida sem graça ou muito agitada. A gente sofre horrores ao longo da vida achando que as pessoas que só passaram por ela, estavam certas e nós deveríamos nos acostumar com o tipo de vida que elas escolheram. Mas isso tá errado. O que a gente deve fazer é seguir o nosso sonho e quem quiser embarcar com a gente nele, será muito bem vindo. Entendendo nossa loucura ou possível sanidade, ou seja lá o que for isso. Isso fez sentido? Alguém entendeu o que eu quis dizer? Se a resposta foi sim, me digam nos comentários, porque eu já me perdi HAHAHAHAHAHAH

Então, lindinhos.. se vocês gostaram, já sabem: deixem aquele like bonito aqui, me digam (sério) se vocês entenderam e o que acham de tudo isso que eu falei e compartilhem, por favor, pra me ajudarem a divulgar e mais pessoas poderem ler meus devaneios <3

Eu fico por aqui! Se cuidem, fiquem bem e até a próxima! Beijoca! <3

Comentários

Mais vistos

Faculdade

O Armazém

Chegados da Época Cosméticos